Avançar
Primeira Classe: o que diz quem já leu? - Alma dos Livros

Primeira Classe: o que diz quem já leu?

Quem gosta de histórias ousadas, com uma boa dose de sensualidade e cenas escaldantes, não pode perder esta leitura. Amor sem regras, prazer sem limites: eis o badalado romance Primeira Classe.

 

"Este livro tirou-me da ressaca literária! Superfluido e viciante. E, minha nossa, nem comento o Jameson! Que homem. O grovelling on point. E, malta, aguardem a cena do acampamento. Juro que é a melhor coisa de sempre.” @chroniclesofmariana

“Amor e negócios não deveriam misturar-se, mas já que se misturaram, vamos aproveitar. Um romance divertido e sensual, que vai mexer com o teu coração.” @duas.amigas.e.livros

“Uma verdadeira montanha-russa de emoções que nos agarra desde a primeira até à última página. Choramos, rimos e amamos em conjunto com as personagens. Amei, amei, amei.” @confessionsofnadia

“Uma leitura rápida e viciante com personagens muito intensas, que vão levar os leitores a viajar em primeira classe e a suspirar por mais! Este primeiro livro vai deliciar os fãs de romance e deixá-los ansiosos pelos próximos livros.” @daisy_books

“Li este livro totalmente às cegas e não desiludiu nada. É um livro superengraçado, viciante e com o nível de spice perfeito!” @mjreads

"Uma viciante história romântica e sensual que me levou do riso às lágrimas, numa avalanche de sensações. Adorei!” @booksofbela

Anterior 23 de janeiro, Dia Mundial da Liberdade.
Próximo Aprenda a desacelerar e tenha uma vida plena. A partir de hoje.

Comentários

Licinia Pinheiro - maio 9, 2024

O livro deve ser excelente

Miriam Santos Pereira - maio 9, 2024

Li o em menos de 24h e só tenho uma coisa a dizer quero um “Jim” só para mim, e acho que vou obrigar o meu marido a usar lentes de contacto azuis 😂
Um início super hot, que nos faz querer comprar um bilhete de avião para ver se nos acontece o mesmo, mas com um romance bonito de aceitação pessoal e superação de obstáculos e preconceitos. Amor e uma cabana nunca fez tanto sentido como neste livro.

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes da publicação

* Campos obrigatórios